Você está em:

Marketing na Web

o bom uso do marketing na web

Marketing na web com muita responsabilidade

O marketing na web precisa ser utilizado com muita inteligencia e estratégia.

Eu entendo que, para vender mais você precisará utilizar de todos os recursos que o marketing digital oferece, mas, claro, devemos relembrar que o marketing surgiu há cerca de uns 70 anos atrás. Então, o marketing é uma ferramenta que já passou por muitas transformações e anda passando por transformações ainda mais radicais com o advento da Internet.

Como o assunto é marketing na web

Então, não iremos entrar em detalhes do passado do marketing.

O marketing na web, é da seguinte forma:

Você precisa ser imponente para chamar a atenção a primeira vista, imagine isso de forma física, isso mesmo, imagine o centro da sua cidade, assim como aqui na minha, é repleto de estabelecimentos comerciais, então, quando você passa em frente dessas lojas sempre tem aquela que chama sua atenção, certo? isso é o que devemos fazer quando estamos bem rankeados nas SERP’s ( Search Engine Results Page ).

Marketing na web e a descrição para chamar atenção

A descrição é muito importante para chamar a atenção e também, o título é também muito bem apresentável quando é usada as devidas palavras.

Imagine que você vende sapatos da marca X e o interessado em comprar sapatos da marca X utiliza o Google como meio para pesquisar preço desses sapatos. Ele irá se deparar com vários títulos e descrições de diversos sites bem rankeados na primeira página do índice do google. Então, ai surge a grande chance de você, receber um clique se sua descrição e título estiver bem atraente para o pesquisador.

Faz de conta que ele clicou no seu site

Oba, parece que o marketing na web funcionou, digamos que o usuário clicou no seu site porque seu título e descrição era o mais atraente. Pronto, agora ele entrou no seu site e está se deparando com o produto que ele queria. Mas… não para por ai.

A profundidade de pesquisa

Se o seu site de vendas online for bem recheado de produtos do mesmo segmento, calçados, ele também poderá dar uma olhadinha nos outros sapatos.

É o mesmo que uma pessoa que entra em uma loja e se depara com o produto que deseja mas além desse produto há outros que interessam a ela e então ela fica mais tempo na loja e ve outros produtos.

Preço, qualidade, atendimento… interação, indicação

Agora, chegou o momento do usuário comprar ou não o seu produto. Será que o preço está bom? será que a qualidade está boa? será que a descrição do produto está conseguindo convencer o usuário a comprar o produto? será que o site possui uma estrutura de pagamento online que qualquer pessoa poderá efetuar um pagamento até mesmo aquelas que não possuem Internet BankLine?

Comprou o sapato, oba, uma venda

Que bom, se houve uma conversão, parabéns, isso é um ponto positivo para o seu site ( um ponto ), pois, ainda é cedo demais para saber se o seu site está realmente bom para possuir uma taxa de conversão alta.

Há dados que a taxa de conversão online está caindo. Isso se deve ao fato da falta de investimento na questão de otimização de conversão que é um fator muito jovem ainda, há estudos nessa área e ainda está engatinhando.

Mas os exemplos dados aqui nesse post revelam dicas essênciais para vendas na Internet e o seu passo no marketing na web bons estudos e fique por dentro de novidades de nosso blog.

Publicado por Rodrigo Martinelli

Sou Rodrigo Martinelli, formado em administração e matemática.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *